sábado, 8 de outubro de 2011

Tempestuoso





Vem aí um temporal e eu estou
na rua
desprotegido.
O vento anuncia
que no fim sempre existe conflito
e que depois do fim
há o infinito.

A tempestade é o desabafo dos céus.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

O seu comentário é muito bem - vindo, fique a vontade!