segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

Eu te conheci em Kandahar
Em meio a tiros e bombas
Tentei te beijar
E não consegui.

Viajei para o Marrocos
Esperando te ver
Mas não me acostumei
Com aquele ar medieval

Encontrei-te em Paris
Linda e cheia de vida
E foi por um triz
Que te deixei escapar

Rodei o mundo
Meses, anos, fiz dezenas de planos.

E então aqui, no Brasil
te vi na Paulista
em cima das listras
no meio da rua
no meio do nada
e nada eu fiz
e nunca farei
porquê minha vida não terá sentido
se eu te tocar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O seu comentário é muito bem - vindo, fique a vontade!